Regressar ao índice anterior

Resumo contabilístico

 

     Este resumo contabilístico pretende apresentar as contas das despesas e receitas de Saunière separadas em duas fases. A primeira fase consiste em todos os trabalhos iniciais efectuados na igreja, no presbitério, e nas áreas circundantes (calvário e cemitério). Resume o período de trabalhos entre 1885 (ano em que ele chega a Rennes) e 1901 (última intervenção na igreja). Começarei por apresentar as contas na versão Saunière, ou seja, as contas que ele apresentou como justificação na sua carta para o vigário-geral de Carcassonne, datada de 14 de Julho de 1911. De seguida, irei resumir as quantias presentes nas 61 facturas que ele entregou à primeira comissão de inquérito episcopal (liderada por Jean Saglio, e instituída aquando do processo eclesiástico de 1911).
     Saunière não apresenta facturas em número suficiente para cobrir todas as despesas que apresenta na carta ao vigário-geral. Apesar disto, é possível dar alguma credibilidade aos números do padre, como se verá adiante. Porém, fica por justificar a origem das receitas. Será este o ponto fraco de Saunière: a lista de receitas que ele apresenta não é clara nem consistente com as despesas. Além disso, os números presentes na carta de justificação não convencem a comissão de inquérito. Paira sobre Saunière a suspeita de comércio ilegal de missas, pois o episcopado não consegue encontrar outra justificação para as suas receitas.

 

A carta justificativa

 

Carta justificativa enviada por Saunière à Comissão de Inquérito
Carta justificativa enviada por
Saunière à Comissão de Inquérito.

     Datada de 14 de Julho de 1911, esta carta, dirigida ao vigário-geral de Carcassonne, contém alguns números justificativos para as despesas que ele efectuou na duas épocas de trabalhos. Eis o texto da carta:

Texto original:

"+ Rennes-le-Château, le 14 juillet, 1911

           Monsieur le Vicaire Général

     Désireux de répondre le plus exactement possible aux diverses questions que vous me proposez j'ai pris quelques jours a fin de me rendre compte des sommes consacrés aux différents travaux que j'ai fait exécuter.
     1. Achat des terrains 1550 frs. Je crois savoir vous rappeler qu'ils ne sont pas acquis en mon nom.
     2. Restauration de l'Église                      16.200
         Calvaire                                             11.200
     3. Construction de la Villa Béthanie      90.000
        Tour Magdala                                     40.000
        Terrasse et jardins                              19.050
        Aménagements intérieurs                     5.000
        Ameublements                                    10.000
                                               ~~~~~~~~~~~~~~
                                                                  193.000

     Je souhaite que ces quelques renseignements permettent de clore une affaire qui m'a valu tant de sollicitudes et m'a vivement affecté pendant ces derniers mois.
     Dans cette confiance j'ai l'honneur de vous offrir, monsieur le Vicaire Général, l'expression de mes sentiments les plux respectueux.

        Bérenger Saunière, prêtre"

Tradução:

"+ Rennes-le-Château, 14 de Julho de 1911

           Sr. Vigário-Geral

     Desejoso de responder o mais exactamente possível às várias questões que me são propostas, tomei alguns dias para estimar as somas que foram aplicadas nos diferentes trabalhos que mandei executar.
     1. Compra dos terrenos 1550 frs. Penso que é do seu conhecimento que eles não foram adquiridos em meu nome.
     2. Restauro da Igreja                  16.200
         Calvário                                       11.200
     3. Construção da Villa Béthanie      90.000
        Torre Magdala                              40.000
        Varanda e jardins                          19.050
        Arranjos interiores                         5.000
        Mobiliário                                     10.000
                                          ~~~~~~~~~~~~~~
                                                            193.000

     Espero que estas informações permitam encerrar um assunto que já me causou tantas preocupações e que me afectou seriamente durante os últimos meses.
     Nesta confiança, tenho a honra de vos oferecer, senhor Vigário-Geral, os meus mais respeitosos sentimentos.

        Bérenger Saunière, padre"

     Note-se que Saunière não fornece nenhuns números para a recuperação do presbitério. Contudo, os restantes números que ele fornece podem ser suportados por uma análise cuidada das facturas que ele apresenta. As despesas mencionadas na carta são maiores que o somatório das facturas, mas isto poderá ser facilmente justificado nos trabalhos ao nível de estruturas, dos quais não há facturas. Vejamos então a súmula das facturas apresentadas por Saunière respeitantes à primeira fase.

 

As despesas da primeira fase

 

Data Nome Descrição Quantia (francos) Pagamento
27/7/1887 F. D. Monna, de Toulouse Altar novo. 700 Pago por Marie Cavailhé, de Coursan. A confirmação do pagamento encontra-se numa factura datada de 26 de Dezembro de 1905.
30/9/1887 Henri Feur, de Bordéus Vitrais para a igreja. 1.350 Em quatro prestações (30/9/1887, 12/4/1897, 26/4/1899, 7/1/1900).
20/10/1891 Giscard, de Toulouse Púlpito e baixo-relevo do pórtico. 915 A pronto.
17/12/1893 Mathieu Mestre, de Limoux Confessionário e dois bancos laterais. 700 A pronto.
29/8/1895 Charles Dénarnaud, de Alet Gradeamentos, portas e artigos de jardim (adquiridos entre 6/7/1894 e 21/5/95). 937,38 Em cinco prestações anuais (a 6/7/1896, 1897, 1898, 1899 e 1900).
21/5/1897 P. Faraco, de Carcassonne Objectos para o culto (cálices, custódia, etc.). 317 A pronto.
25/5/1897 Georges Castex, de Limoux Decoração do interior da igreja. 905,70 Um total de 565 francos pago em várias vezes, juntamente com o montante de 100 francos em cheque (5/7/1897). O restante foi pago posteriormente em data desconhecida.
??? Georges Castex, de Limoux Papel de parede para o presbitério. 70,70 Pago em data desconhecida.
30/6/1897 Giscard, de Toulouse baixo-relevo ("Monte da Beatitude"), via-sacra, pia baptismal com diabo e quatro anjos em cruz, estátuas, etc.) 2.920 A pronto (note-se a elevada quantia).
31/10/1897 Mathieu Mestre, de Limoux Móveis para a sacristia, e outros. 1.050 A pronto (note-se mais uma vez a elevada quantia).
6/12/1897 Oscar Vila, de Couiza Tampas das fontes baptismais, e outros. 60 A pronto.
31/12/1897 H. Daban, de Carcassonne Peças para o altar, paramentos, e vestimentas variadas para o culto. 359,50 350 francos foram pagos por uma ordem de pagamento datada de 30/2/1898. Não há registo do pagamento da quantia restante.
23/5/1898 Jn Idrac, de Toulouse Aviso a Saunière do envio por correio da cobrança da estátua esculpida (para ser entregue ao Arqto. Tiburce Caminade, como agradecimento pelos conselhos de decoração), que deverá ser efectuada a 15 de Junho, com a chegada da ordem de pagamento. 245 A pronto, cumprindo a ordem de pagamento a 15 de Julho. Saunière pediu a Idrac para prolongar o prazo de pagamento para 15 de Agosto, ao que o negociante respondeu (a 31 de Maio) com a data definitiva de 15 de Julho.
?/6/1898 Charles Dénarnaud, de Alet Ferragens variadas (adquiridas e instaladas entre 6/2/1897 e Junho de 1898), juntamente com seis caixas de esmola e a grade das fontes baptismais. 425,56 Apenas há registo do pagamento das caixas de esmola e da grade, num total de 147 francos, a 8/8/1903.
31/7/1898 Socitété des Ciments et Chaux d'Albi Na primeira fase de trabalhos, Saunière apenas efectuou uma encomenda. Fazem parte das 61 facturas os registos de pagamento de todas as encomendas feitas a esta empresa. 60 Pagos por um cheque.
31/12/1898 Mathieu Mestre, de Limoux Caixa de esmolas em carvalho velho, com coluna a servir de base e estátua para colocar em cima, também esculpida em carvalho. 400 A pronto.
29/4/1901 P. Faraco, de Carcassonne Um candeeiro em rosário e respectivos adereços. 170 A pronto.
         
    Total da primeira fase de trabalhos 11.585,84  

 

     Compare-se agora o somatório das despesas que figuram em facturas com os totais apresentados por Saunière na sua carta justificativa: 16.200 francos (restauro da igreja), mais 11.200 francos (calvário). Um total de 27.400 francos apresentados pelo padre, contra os 11.585,84 resultantes das facturas. Podemos dar alguma credibilidade a Saunière na medida em que os 15.814,16 francos que não estão justificados podem dever-se aos dispendiosos trabalhos ao nível de fundações e estruturas.
    Nos gastos por ele efectuados na igreja, a diferença entre o declarado (16.200 francos) e o comprovado (facturas num total de perto de 10.000 francos) é relativamente pequena (um total de 38% das despesas não está comprovado por factura), devendo-se muito provavelmente aos tais trabalhos estruturais. Saunière declara um gasto de 11.200 francos na construção do calvário, que consistiu maioritariamente em trabalhos de pedreiro, que não estão presentes em factura. Para esta secção, há apenas a comprovação do pagamento de, aproximadamente, 1.000 francos. O restante, 10.200 francos (91% das despesas), não está registado em factura, e pode bem dever-se a trabalhos de fundações no calvário, no jardim da praça perto da igreja, nos arranjos estruturais no cemitério, na construção da gruta, e talvez até na cisterna e na biblioteca, que já existiam no fim desta primeira fase.
     Assim, como já foi referido, apesar de não existir facturação para todas as despesas efectuadas por Saunière, podemos, efectuando uma análise detalhada ao tipo de gastos declarados e por declarar, assumir que há uma razoável legitimidade nos números relativos a despesas fornecidos por Saunière à comissão de inquérito.

 

As despesas da segunda fase

 

Data Nome Descrição Quantia (francos) Pagamento
22/10/1898 N/A Compra do primeiro terreno (lote nº 576). 200 A pronto.
27/4/1899 N/A Compra do segundo terreno (lote nº 581). 300 A pronto.
20/7/1899 N/A Compra do terceiro terreno (lote nº 582). 200 A pronto.
16/8/1899 N/A Compra do quarto terreno (lote nº 583). 110 A pronto.
Depois de 26/1/1900 Charles Dénarnaud, de Alet Lista dos serviços prestados a 3, 17, 20 e 26 de Janeiro de 1900. 1.822,60 As somas foram pagas em nome de Saunière pelo arquitecto.
5/6/1900 N/A Compra do quinto terreno (lote nº 593). 100 A pronto.
4/7/1901 Tiburce Caminade, de Limoux Pagamento do salário. 200 A pronto.
13/9/1901 Tiburce Caminade, de Limoux Pagamento do salário. 200 A pronto.
2/1/1902 Tiburce Caminade, de Limoux Pagamento do salário. 200 A pronto.
1/2/1902 Tiburce Caminade, de Limoux Pagamento do salário. 200 A pronto.
8/3/1902 Tiburce Caminade, de Limoux Pagamento do salário. 200 A pronto.
3/5/1902 Tiburce Caminade, de Limoux Pagamento do salário. 200 A pronto.
20/5/1902 N/A Compra do sexto terreno (lote nº 613). 600 A pronto.
Depois de 16/6/1902 Elie Bot, de Luc-sur-Aude Pagamento de matérias-primas. 10.305,61 9.100 francos a pronto e 1.205,61 mais tarde.
Depois de 16/6/1902 Elie Bot, de Luc-sur-Aude Salários dos serventes de pedreiro (80 dias a 2,75 francos). 220 Não há informação.
Depois de 16/6/1902 Elie Bot, de Luc-sur-Aude Salários dos pedreiros (16,75 dias a 3 francos). 50,25 Não há informação.
Depois de 16/6/1902 Elie Bot, de Luc-sur-Aude Pagamento do seu próprio trabalho (62,5 dias a 4 francos). 250 Não há informação.
21/6/1902 Tiburce Caminade, de Limoux Pagamento do salário 200 A pronto.
8/7/1902 Joseph Fabre, de Dourgne Construção e montagem do telhado da Villa Béthanie. 412,50 Recebe a quantia por intermédio do arquitecto e em nome de Marie Dénarnaud.
13/9/1902 Tiburce Caminade, de Limoux Pagamento do salário 200 A pronto.
11/11/1902 Tiburce Caminade, de Limoux Pagamento do salário 200 A pronto.
4/4/1903 Tiburce Caminade, de Limoux Pagamento do salário 200 A pronto.
12/6/1903 Charles Dénarnaud, de Alet Lista de serviços prestados. Ano de 1901: 11 de Janeiro, 18 de Junho, 8 a 31 de Agosto e 4 de Setembro. Ano de 1902: 15 de Março, 26 de Maio e 23 de Agosto. Ano de 1903: 23 de Fevereiro e 23 de Maio. 142,30 Não há informação.
14/8/1903 Tiburce Caminade, de Limoux Pagamento do salário 200 A pronto.
28/11/1903 Tiburce Caminade, de Limoux Pagamento do salário 200 A pronto.
4/7/1904 Charles Dénarnaud, de Alet Lista dos serviços prestados a 21 de Setembro de 1903 e a 10 de Maio de 1904. 161 Não há informação.
29/7/1904 Tiburce Caminade, de Limoux Pagamento do salário 200 A pronto.
24/12/1904 Tiburce Caminade, de Limoux Pagamento do salário 200 A pronto.
4/4/1905 N/A Compra do sétimo terreno (lote nº 648) 40 A pronto.
17/4/1905 Charles Dénarnaud, de Alet Lista dos serviços prestados a 22 de Dezembro de 1904 e durante o mês de Março de 1905. 290 Não há informação.
29/8/1905 Charles Dénarnaud, de Alet Lista dos serviços prestados em 1905, a 5 e 23 de Junho; a 5, 6 e 7 de Julho; e a 30 de Agosto. 259,30 Não há informação.

 


Ó 1997-2006 Bernardo Sanchez da Motta
Todos os direitos reservados